hide message

Welcome to the Resource Centre

We make it our mission to work with advocates in civil society, business and government to address inequalities of power, seek remedy for abuse, and ensure protection of people and planet.

Both companies and impacted communities thank us for the resources and support we provide.

This is only possible because of your support. Please make a donation today.

Thank you,
Phil Bloomer, Executive Director

Donate now hide message

This piece of content is part of a larger story, but that story is not available in your language. We do still recommend you read this content in the context of this story:

Brasil: Cientista revela estratégia de Bolsonaro usando imagens fraudadas e fake news no WhatsApp para fragilizar universidades públicas

Author: Guilherme Pavarin, The Intercept Brasil (Brazil), Published on: 21 May 2019

“Como a milícia digital bolsonarista resgatou sua máquina de fake news para atacar universitários”, 15 de maio de 2019

...[O]...cientista da computação Fabrício Benevenuto...[,]...criador de uma ferramenta capaz de elencar os conteúdos mais compartilhados no...[WhatsApp]...[,]...notou algo estranho: quase todas as imagens mais compartilhadas no seu sistema mostravam universitários nus, teses com nomes esdrúxulos e desenhos irônicos sobre estudantes de humanas...[C]hecou os altos números e concluiu que se tratava de algo novo, orquestrado. Estava diante de uma nova ofensiva da milícia digital de Bolsonaro, grupo que andava pouco ruidoso após as eleições...[D]uas pesquisas divulgadas em maio apontavam para um naufrágio do otimismo com o presidente Jair Bolsonaro...[C]entenas de grupos de apoiadores de Bolsonaro passaram a espalhar imagens que reforçavam a ideia, endossada pelo próprio Weintraub, de que as universidades públicas se tornaram lugar de “balbúrdia”...[“H]á um claro indicativo de que se trata de trabalho profissionalizado, de disparos automatizados, mas isso por si só não é ilegal”...[A]...Justiça Eleitoral...ainda não encontrou meios de mapear ou rastrear os autores de conteúdos mentirosos e de má fé, como os memes que mentem sobre a questão estudantil...[O]utro ponto de consenso entre os pesquisadores é que a equipe de Bolsonaro se planejou com antecedência para montar sua estratégia de WhatsApp...[B]olsonaro agora tenta se apoiar numa máquina baseada em robôs e mentiras orquestradas — a mesma que o elegeu — para recuperar apoio popular...

Read the full post here

Related companies: Facebook Instagram (part of Facebook) Twitter Whatsapp (part of Facebook) YouTube (part of Alphabet)