Brasil: Inst. Socioambiental denuncia desmatamento em terras indígenas & protegidas causadas por agropecuária, grilagem de terras, garimpo e retirada ilegal de madeira

Autor(a): Juliana Cézar Nunes, Rádio Nacional Brasília, Agência Brasil (Brazil), Publicado en: 9 August 2018

"Instituto vê desmatamento em áreas protegidas do Pará e Mato Grosso", 2 de agosto de 2018

Em apenas seis meses, cerca de 100 milhões de árvores foram desmatadas na Bacia do Rio Xingu...[,]....consta em...estudo recém-divulgado pelo Instituto Socioambiental...[ISA]...[O]...levantamento foi realizado por meio do sistema de monitoramento da Plataforma Rede Xingu +...[O]s pesquisadores verificaram novas áreas de expansão agropecuária, grilagem de terras, retirada ilegal de madeira e a expansão do garimpo. Essas atividades teriam provocado a derrubada de 70 mil hectares de floresta no Pará e em Mato Grosso...[M]ais de 7 mil hectares correspondem ao montante de floresta derrubada dentro de áreas protegidas...[,]...terras indígenas e unidades de conservação...[O]s dados agora serão encaminhados para autoridades públicas e movimentos sociais que atuam na região...[O]...Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) afirma que atua de forma constante para coibir as infrações ambientais...[D]e acordo com o Ibama...[,]...são necessárias mais políticas públicas de criação de alternativas de renda e desestímulo à prática de crimes ambientais...[A]...ação dos governos estaduais seria fundamental...

Lea todo el artículo aquí