Dissimuler ce message

Bonjour! Bienvenue au Centre de Ressources sur les Entreprises et les Droits de l’Homme.

Nous espérons que vous appréciez les outils et ressources que nous mettons à votre disposition gratuitement. Saviez-vous que nous travaillons aussi directement avec des défenseurs des communautés et des défenseurs des droits, en leur fournissant les compétences et les ressources nécessaires pour documenter les violations des droits de l’homme et pour communiquer efficacement avec les entreprises ?

Ceci n’est possible que grâce aux dons généreux de personnes comme vous.

Merci de soutenir notre travail.

Je vous remercie,
Phil Bloomer, Directeur Exécutif

Faire un don maintenant Dissimuler ce message

Brasil: Especialista analisa a ausência de representatividade social nas empresas brasileiras

Auteur: Carol Castro, CartaCapital, (Brazil), Publié le: 6 December 2018

“Especialista em gestão e diversidade, Liliane Rocha fala sobre a baixa contratação e promoção de negros, mulheres, pessoas com deficiência e LGBTs”, 6 de dezembro de 2018 

Nos corredores de uma empresa de investimento...[,]...não havia nem sequer uma mulher...[E]xceto ao final do corredor, em uma salinha pequena, menos ostentosa. Essa sim cheia de funcionárias – no setor de telemarketing...[E]xplica Liliane Rocha, CEO da consultoria Gestão Kairós e autora do livro “Como ser um líder inclusivo”...[:]...[É]...justamente ali a primeira dificuldade - a falta de mobilidade; não só para mulheres, mas também para negros, homossexuais assumidos e pessoas com deficiência...[“E]u era gestora da América Latina, ganhava um ótimo salário, uma equipe grande. Mas jamais promoveriam para gerente uma mulher negra. Tenho clareza que se eu tivesse outro perfil dentro da sociedade brasileira, teria alcançado cargos mais altos”, conta...[U]ma pesquisa da DDI, empresa de análise e pesquisa, junto com a Ernst & Young...[,]...mostrou que onde há diversidade de gênero, principalmente em cargos de nível sênior, a chance de crescimento e lucro é 1,4 vezes maior...[P]ara Rocha, só há uma forma de representar de verdade a sociedade brasileira: colocar nas empresas um quadro de funcionários, em todos os cargos – do chefe ao peão –, que respeite a demografia brasileira. Se os negros representam 54% da população, portanto, essa deveria ser a meta. Em entrevista à CartaCapital, ela analisa como as empresas brasileiras ainda estão longe dessa realidade. E fala dos desafios dos próximos anos, com o governo Bolsonaro...

Tout lire