Dissimuler ce message

Bonjour! Bienvenue au Centre de Ressources sur les Entreprises et les Droits de l’Homme.

Nous espérons que vous appréciez les outils et ressources que nous mettons à votre disposition gratuitement. Saviez-vous que nous travaillons aussi directement avec des défenseurs des communautés et des défenseurs des droits, en leur fournissant les compétences et les ressources nécessaires pour documenter les violations des droits de l’homme et pour communiquer efficacement avec les entreprises ?

Ceci n’est possible que grâce aux dons généreux de personnes comme vous.

Merci de soutenir notre travail.

Je vous remercie,
Phil Bloomer, Directeur Exécutif

Faire un don maintenant Dissimuler ce message

Brasil: Futura Ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos possui série de vídeos no YouTube com posições conservadoras em relação ao aborto, homossexualidade e igualdade de gênero

Auteur: João Pedro Caleiro e Ana Paula Machado, EXAME, (Brazil), Publié le: 6 December 2018

“Em série de vídeos no YouTube, a então pastora diz que Brasil vive ditadura gay e nega que ‘milhões de mulheres’ morram com abortos”, 6 de dezembro de 2018

A nova ministra do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, a pastora Damares Alves...[é]...assessora jurídica da Frente Parlamentar Mista da Família e Apoio à Vida, da Frente Parlamentar de Combate as Drogas e da Frente Parlamentar Evangélica...[O] pensamento de Damares pode ser conhecido mais profundamente através de um culto...ocorrido em maio de 2016 e publicado no YouTube. A então pastora diz que “chegou a nossa hora” e que...[“é]...o momento de a igreja governar”...[A]...ministra falou sobre o tema aborto...[:]...[“E]u sou contra o aborto”...[E]m um dos vídeos...[,]...ela diz que os movimentos feministas manipulam dados para inflar o número de mortes causadas pelo aborto no país...[E]m um trecho do seu DVD, ela diz que estamos vivendo uma “ditadura gay” e defende uma diferenciação entre os homossexuais, que devem ser amados e acolhidos, e as associações do movimento gay, que estão “milionárias” e “jogam sujo”...[E]la também diz, entre outras coisas, que “não há uma prova científica de que o gay nasce gay...[A]..homossexualidade ela é aprendida a partir do nascimento, lá na infância, lá no berço, a forma que se lida com a criança”....[A] pastora já afirmou diversas vezes que...defende que homens e mulheres são diferentes, apesar de precisar de direitos iguais...[E]la diz também que “a mulher nasceu para ser mãe...[N]esse planeta Terra, a fêmea nasce com útero para gerar”...[“É] raça humana. O homem é protetor, provedor, cuidador. Mas a raça humana mudou. Então a gente briga com a natureza”, completa...

Tout lire