abusesaffiliationarrow-downarrow-leftarrow-rightarrow-upattack-typeburgerchevron-downchevron-leftchevron-rightchevron-upClock iconclosedeletedevelopment-povertydiscriminationdollardownloademailenvironmentexternal-linkfacebookfiltergenderglobegroupshealthinformation-outlineinformationinstagraminvestment-trade-globalisationissueslabourlanguagesShapeCombined Shapeline, chart, up, arrow, graphlocationmap-pinminusnewsorganisationotheroverviewpluspreviewArtboard 185profilerefreshnewssearchsecurityPathStock downStock steadyStock uptagticktooltiptwitteruniversalityweb

O conteúdo está disponível nos seguintes idiomas: English

História

Brasil: Sindicatos denunciam Nestlé por redução de benefícios de funcionários durante a pior fase da pandemia de Covid-19

Enquanto celebra 100 anos de atividades no Brasil, a Nestlé tem cortado o ticket alimentação e a participação nos lucros dos funcionários (durante o pico da pandemia de Covid-19 no Brasil), afirmam sindicatos. Estas ajudas complementam os salários dos trabalhadores, especialmente em face dos recentes aumentos nos preços dos alimentos básicos (a taxa de inflação nacional chegou a 4,5%). Convidamos a Nestlé a responder a estas alegações. A empresa declarou que não eliminou o vale-refeição.