Brasil: Com. Bras. de Defensoras e Defensores de Direitos Humanos denuncia intimidação por fazendeiros à comitiva da Com. Interamericana de Direitos Humanos em visita a aldeia indígena no Pará

Autor: ASCOM/Conselho Missionário Indigenista (CIMI) (Brazil), Publicado em: 9 November 2018

Comitê manifestou preocupação com as intimidações à delegação da Comissão Interamericana de Direitos Humanos por fazendeiros durante visita a aldeia no Pará”, 9 de novembro de 2018

As organizações que compõem o Comitê Brasileiro de Defensoras e Defensores de Direitos Humanos (CBDDH) divulgaram uma nota...manifestando preocupação e denunciando as intimidações à Comitiva da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), autoridades brasileiras, lideranças indígenas e representantes de organizações da sociedade civil durante a visita à aldeia Açaizal, do povo Munduruku, no município de Santarém (PA)...[F]azendeiros da região seguiram e intimidaram a comitiva. “Proferiram discursos racistas e violentos contra os presentes e tentaram, ainda, identificar as placas dos carros, veículos e vans que levaram os participantes da reunião até o território, em uma atitude clara de intimidação”, afirma a nota...[O]...CBDDH pede que o Estado brasileiro garanta segurança para as próximas agendas da CIDH no Brasil...[:]...“nesse momento de crescente violência contra defensoras e defensores de direitos humanos, as organizações internacionais...[devem poder]...cumprir com seu papel de investigar as inúmeras violações de direitos que ocorrem no país”...

Leia a postagem completa aqui