Brasil: Mesmo na lista suja, Cutrale tem fazendas certificadas com selo de "boas práticas"

Autor: Daniela Penha, Repórter Brasil (Brazil), Publicado em: 22 May 2018

"Mesmo na lista suja, Cutrale tem fazendas certificadas com selo de "boas práticas"'Selo da Rainforest Alliance, um dos mais importantes, foi concedido a fazendas da Cutrale, empresa flagrada com trabalho escravo em 2013. Certificadora que contestou processo foi trocada", 15 de maio de 2018

Mesmo com o nome da empresa estampado na "lista suja" do trabalho escravo, um grupo de fazendas da Sucocítrico Cutrale recebeu uma das certificações socioambientais mais importantes do mundo: o selo de "boas práticas" da Rainforest Alliance. A certificação, uma das principais exigências do mercado europeu para a exportação do suco de laranja, foi concedida pela organização americana depois que o processo fora contestado por outro grupo certificador, o Imaflora, organização brasileira. O selo é especialmente importante para a Cutrale, uma das maiores vendedoras de suco de laranja do mundo...98% da sua produção é exportada para países da América do Norte, Europa e Ásia. O selo da Rainforest Alliance é mundialmente respeitado...Mesmo pagando mais, o consumidor saberia que está comprando um produto que preza pela proteção ambiental, igualdade social e viabilidade econômica...Luís Fernando Guedes Pinto, gerente de certificação agrícola do Imaflora, explica que a entrada da Cutrale na "lista suja" foi o motivo que levou o instituto a contestar a recomendação. A lista, divulgada pelo Ministério do Trabalho, traz a relação de empresas que foram flagradas com trabalho escravo. Depois da negativa do Imaflora, a Rainforest fez algo incomum em processos de certificação, e até então inédito na política da empresa no Brasil: autorizou a troca da empresa certificadora durante o processo da certificação. No lugar do Imaflora, entrou o IBD, que concedeu o certificado. Donita Dooley, gerente de mídia global da Rainforest, afirmou que o órgão tem em suas normas de avaliação "um critério crítico proibindo todas as formas de trabalho forçado, obrigatório ou trabalho escravo"...[P]orém...não há impeditivos específicos à lista suja do trabalho escravo....[D]esde março deste ano, a Cutrale é a única empresa que figura na lista do trabalho escravo e comercializa produtos com o selo Rainforest...[A]...Cutrale argumentou que as fazendas certificadas não são as mesmas que estão na lista do trabalho escravo...[E]...que recebeu a certificação "do Selo da Rainforest Alliance por haver demonstrado...cumprir todos os requisitos constantes na norma vigente"...As empresas que integram a "lista suja" do trabalho escravo podem fazer acordos com o governo para sair da relação...A Cutrale não fez esse acordo...[e]...tenta reverter a decisão judicialmente...

Leia a postagem completa aqui

Empresas relacionadas: Cutrale