Brasil: Primeira quinzena de maio registra piores índices de desmatamento na Região Amazônica da década, inclui comentários do Ministério do Meio Ambiente; Ibama e ICMBio não responderam aos contatos

Autor: Folha Vitória (Brazil) , Publicado em: 22 May 2019

“Entre 1.º de janeiro e 15 de maio deste ano, o Ibama emitiu 850 multas, 35% menos do que no mesmo período do ano passado”, 22 de maio de 2019

 

Em 2018, o País registrou os maiores números de desmatamento na Região Amazônica de toda a história...[O]...novo problema é que os dados...dos primeiros 15 dias de maio...são os piores no mês em uma década - 19 hectares/hora, em média, o dobro do registrado no mesmo período de 2018. Foram perdidos oficialmente em uma quinzena...[o]...mesmo que quase 7 mil campos de futebol...[O]s números se referem à devastação registrada nas unidades de conservação, florestas protegidas que são administradas e fiscalizadas por órgãos como o Ibama e o Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio). Uma das regiões mais devastadas é a Floresta do Jamanxim, alvo histórico de saques de madeira...[Q]uestionado, o ministro do Meio Ambiente (MMA), Ricardo Salles, disse que a responsabilidade pela curva crescente do desmatamento é de governos anteriores. "Ainda não deu tempo de implementarmos nossas políticas", disse. Já Ibama e ICMBio não responderam aos questionamentos...[E]ntre 1.º de janeiro e 15 de maio deste ano, o Ibama emitiu 850 multas, 35% menos do que no mesmo período do ano passado...[N]o ICMBio...[,]...agentes emitiram...praticamente metade do aplicado no mesmo intervalo de 2018...[E]m janeiro, o MMA acabou com o Departamento de Florestas e Combate ao Desmatamento...[O]...ministro....Ricardo Salles tem trocado todos os cargos de liderança do ICMBio desde que assumiu - nomeando militares...

Leia a postagem completa aqui