Brasil: Univ. Federais investigam relação entre agrotóxicos e doenças como malformação e câncer, inclui comentários da Agrosaber

Autor: Luana Rocha, Repórter Brasil / Agência Pública (Brazil), Publicado em: 27 May 2019

 “Essa é a pergunta estudada por pesquisadores do Brasil e do mundo. Casos envolvendo crianças no Mato Grosso, maior consumidor de agrotóxicos do país, chamam a atenção pela alta incidência de doenças nas regiões de maior produção agrícola”, 2 de maio de 2019

O menino Kalebi Luenzo...tinha leucemia...[,]...cresceu próximo a uma plantação de algodão, em Lucas do Rio Verde, conhecida no Mato Grosso como capital da agroindústria...Emanuelly...nasceu com espinha bífida – tipo de malformação congênita...[seu pai era mecânico de tratores em fazendas de soja]...Giovana Carvalho trabalhava como coordenadora do Centro de Referência de Saúde do Trabalhador de Sinop, também no Mato Grosso...descobriu um tipo raro de câncer no pulmão...[F]amílias estiveram expostas a diferentes pesticidas, incluindo o glifosato e a atrazina...[a]ssociadas ao desenvolvimento de câncer e à malformação fetal por pesquisas no Brasil e no mundo....[U]ma taxa mais alta de malformação foi encontrada em regiões com maior uso de agrotóxicos como a atrazina, segundo...artigo da Universidade Federal do Paraná...As regiões Central e Sul do Mato Grosso...apresentaram...maior incidência de leucemias e linfomas segundo pesquisa...[da]...Universidade Federal do Mato Grosso...[E]ntre os 20 agrotóxicos mais utilizados estão o glifosato e a atrazina...[H]á maior quantidade de pessoas de regiões com alta produção agrícola entre os pacientes internados com câncer infanto-juvenil no Hospital de Câncer de Mato Grosso...[A]s associações de produtores rurais enviaram...nota por meio da Agrosaber,...que representa o setor e fabricantes de agrotóxico...[E]...afirma que “se utilizados dentro das recomendações de uso, os defensivos agrícolas são seguros à saúde humana e aos trabalhadores no campo”...[P]ara a toxicologista e médica do trabalho Virginia Dapper, diversos estudos têm mostrado a relação entre pesticidas e os efeitos negativos na saúde de crianças. “A exposição pré-natal a agrotóxicos, mesmo em baixas doses como aquelas provenientes de resíduos em alimentos, pode sim provocar alterações no desenvolvimento neurológico das crianças expostas”...

[Há menção à Cofco e à DDB Agronegócios]

Leia a postagem completa aqui

Empresas relacionadas: Bunge Cargill Louis Dreyfus Syngenta