abusesaffiliationarrow-downarrow-leftarrow-rightarrow-upattack-typeburgerchevron-downchevron-leftchevron-rightchevron-upClock iconclosedeletedevelopment-povertydiscriminationdollardownloademailenvironmentexternal-linkfacebookfiltergenderglobegroupshealthC4067174-3DD9-4B9E-AD64-284FDAAE6338@1xinformation-outlineinformationinstagraminvestment-trade-globalisationissueslabourlanguagesShapeCombined Shapeline, chart, up, arrow, graphlocationmap-pinminusnewsorganisationotheroverviewpluspreviewArtboard 185profilerefreshIconnewssearchsecurityPathStock downStock steadyStock uptagticktooltiptwitteruniversalityweb
Artigo

21 Set 2021

Autor/autora:
G1

Brasil: Sem autorização prévia, Prevent Senior utilizou medicamento contra câncer em pacientes com Covid-19, revelam áudios

"Áudios e planilhas revelam que Prevent Sênior usou remédio para tratamento de câncer a pacientes com Covid-19", 21 de setembro de 2021

...Áudios e planilhas revelam que a Prevent Senior, uma das maiores operadoras de saúde do país, usou em pacientes que estavam com Covid-19, sem autorização, um medicamento destinado para o tratamento de câncer. O Ministério Público e a CPI da Covid investigam o caso.

Em uma das gravações é possível ouvir que os médicos da rede deviam recomendar flutamina e enbrel aos doentes. Nenhum dos dois medicamentos possui autorização para ser usado em pacientes com Covid-19...

A Pfizer, que fabrica o enbrel, nome fantasia do medicamento etanercepte, diz que o remédio é recomendado para artrite reumatóide e que não é indicado para tratamento de Covid. Já a bula da flutamina diz que o medicamento é indicado para câncer de próstata.

Em 2004, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já tinha feito um alerta sobre a flutamina depois que a droga foi usada no tratamento de acne e queda de cabelo em mulheres. Na época, quatro pessoas morreram depois de falência do fígado após o uso do medicamento...

A TV Globo e a GloboNews tiveram acesso a uma planilha online usada por médicos da Prevent Sênior que mostra que pelo menos até julho deste ano a flutamida foi prescrita para pacientes com Covid...

Uma médica que trabalhava na operadora nessa época e foi demitida por não concordar em receitar os medicamentos diz que os pacientes não sabiam que estavam sendo submetidos a um estudo, "que eles estavam sendo cobaias". Tampouco foram informados sobre os malefícios dos remédios...

Em resposta a um requerimento dos senadores, a empresa informou que a compra de flutamida passou de cem caixas em média, por mês, no começo deste ano pra 22 mil em abril.

O presidente da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), Jorge Venâncio, afirma que a Prevent não tem nenhuma pesquisa aprovada para a flutamida nem para o etanercepte...

Story Timeline