abusesaffiliationarrow-downarrow-leftarrow-rightarrow-upattack-typeburgerchevron-downchevron-leftchevron-rightchevron-upClock iconclosedeletedevelopment-povertydiscriminationdollardownloademailenvironmentexternal-linkfacebookfiltergenderglobegroupshealthinformation-outlineinformationinstagraminvestment-trade-globalisationissueslabourlanguagesShapeCombined Shapeline, chart, up, arrow, graphlocationmap-pinminusnewsorganisationotheroverviewpluspreviewArtboard 185profilerefreshnewssearchsecurityPathStock downStock steadyStock uptagticktooltiptwitteruniversalityweb
Artigo

Brasil: Vice-prefeito de Jacareacanga é preso por ter participado de ataques à indígenas no território Munduruku

“Polícia Federal prende vice-prefeito de Jacareacanga em operação contra garimpos em terras indígenas”,

A Polícia Federal informou que prendeu um dos alvos da operação Mundurukânia II...no município de Itaituba, no sudoeste do Pará. O preso é o vice-prefeito de Jacareacanga, Valmar Kaba Munduruku, que estava envolvido nos ataques à base operacional da PF em maio deste ano.

Segundo a PF, suspeito se entregou na delegacia. Estava foragido após ter mandado de prisão decretado pela Operação Mudurukânia II...

A operação Mundurukânia I, que teve como objetivo o combate da prática clandestina de garimpos nas terras indígenas, terminou em conflito. Forças de segurança da Polícia Federal foram surpreendidas por um grupo de garimpeiros, que iniciaram um protesto contra a operação de proteção das terras indígenas.

Os manifestantes tentaram invadir a base e depredar patrimônio da União, aeronaves e equipamentos policiais, provocando que medidas de contenção fossem tomadas com efetividade para a dispersão dos invasores sem que houvesse feridos.

Como resposta aos ataques, a PF realizou a operação Mundurukânia II, que investigou os agressores. Os agentes já cumpriram seis mandados de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal de Itaituba.

Story Timeline