Quem somos e onde estamos

Nosso site está disponível em sete idiomas: inglês, árabe, chinês, francês, português, russo e espanhol. Nossos pesquisadores e pesquisadoras regionais estão baseados no Brasil, Colômbia, Hong Kong, Índia, Quênia, Japão, Líbano, Mianmar, México, Senegal, África do Sul, Reino Unido, Ucrânia e EUA. Eles e elas expõem ao mundo os impactos sobre os direitos humanos (positivos e negativos) das empresas que atuam na sua região, buscam respostas das empresas quando a sociedade civil suscita preocupações e estabelecem contatos com as ONGs de base, empresários locais e outros. Nós possuimos escritórios em Londres e Nova Iorque.

O Centro de Informação é uma organização independente sem fins lucrativos: no Reino Unido somos registrados como uma instituição de caridade na Inglaterra e País de Gales (n.º1096664). Nos EUA somos uma organização sem fins lucrativos isenta de imposto sob a seção 501(c)(3) do Internal Revenue Code.

Para uma lista completa dos membros do Conselho, em inglês, consulte-a aqui.

Para uma lista completa dos membros de nossa equipe em inglês, consulte-a aqui. Abaixo você pode encontrar informações sobre nossos membros da equipe que falam português.

 

Júlia Mello Neiva, Pesquisadora e Representante Sênior para o Brasil, Portugal & Países Africanos de Língua Portuguesa (sediada em São Paulo, Brasil)
neiva [at] business-humanrights.org

Júlia é brasileira, advogada de direitos humanos e trabalha no Centro desde 2013. Ela é pesquisadora sênior e representante para o Brasil, Portugal e países africanos de língua portuguesa e realiza também missões regionais. Júlia deu um curso de direitos humanos em Angola, como consultora da Open Society Initiative for Southern Africa; assessorou o governo de São Tomé e Príncipe com leis de transparência, foi co-autora de um projeto de pesquisa coordenado pelo International Commission of Jurists, em parceria com a Conectas Direitos Humanos: "Acesso à Justiça: Violações dos Direitos Humanos por empresas". Ela é uma das fundadoras da Conectas Direitos Humanos, onde foi Coordenadora do Programa de Justiça. Júlia também trabalhou no African American Policy Forum; na Clínica de Direitos Humanos  da Faculdade de Direito de Columbia; no Center for Reproductive Rights e no Instituto Pólis. Ela deu o primeiro curso acadêmico no Brasil sobre empresas e direitos humanos na Escola de Direito da Fundação Getulio Vargas, e é integrante do Grupo de Direitos Humanos e Empresas da escola. Ela estudou na Faculdade de Direito da Universidade de Columbia (LLM, com ênfase em direitos humanos); Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (especialização em direitos humanos); Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (Bacharel em Direito). A língua materna de Júlia é o português. Ela também é fluente em inglês e espanhol, e tem um bom conhecimento da língua francesa.